segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Secretária paroquial, um serviço missionário


A secretária paroquial é responsável por acolher e auxiliar na proximidade entre os fiéis e a paróquia, a Igreja. É o “braço direito” do pároco, onde atua no planejamento e controle dos registros da paróquia, organização do trabalho e rotina, na atualização da agenda dos padres. O Dia da Secretária é comemorado no dia 30 de setembro, data em que a Igreja celebra São Jerônimo. O santo foi secretário do Papa São Dâmaso e o auxiliou na tradução da Bíblia para o latim.

“A função do secretário ou secretária paroquial é primordial na vida da Igreja. Sobretudo, porque eles são responsáveis por auxiliar ao padre no dinamismo pastoral e no funcionamento da paróquia. Dessa maneira, os secretários e secretárias são homens e mulheres de Deus, não só funcionários, mas evangelizadores”,

“Sua tarefa está marcada pela hospitalidade e o acolhimento, onde é preciso saber atender, ouvir, responder e orientar. É o rosto da comunidade paroquial, sendo evangelizadoras que assumem como missão de sair ao encontro das pessoas, em especial aos que estão afastados da Igreja”

Na secretaria paroquial é percebido o grau de organização de uma comunidade, pois o trabalho precede os conhecimentos da doutrina da Igreja. As secretárias atuam como “cartãos de visitas” e muitas vezes são responsáveis pelo primeiro contato com os sacramentos e a vida pastoral.

“A secretária deve representar a cultura do encontro que a Igreja propõe e representar um local de acolhida. É o prolongamento do trabalho pastoral, não é um trabalho burocrático e, sim, Cristo que acolhe”.

“São muitas as pessoas que ajudam profissionalmente a Igreja e encaminham numerosas situações da vida pastoral e na manutenção da ordem para melhor servirmos o Evangelho. Somos agradecidos a todas as pessoas que realizam com zelo esse trabalho fundamental”
Fonte: Arq. RJ